Nome que já foi de um cupê agora é de um crossover com motor 1.5 turbo de 163 cv

O Eclipse está de volta, embora não da forma de um cupê, como seus fãs os conheceram. O Mitsubishi Eclipse Cross é o novo crossover da marca japonesa e foi lançado oficialmente hoje (21), no mesmo momento em que o eclipse solar total escurecia o dia nos EUA. Lá fora, o modelo ficará posicionado entre o ASX e o Outlander. A marca japonesa confirmou que ele chega ao Brasil em 2018 no Brasil, embora ainda sem revelar versões ou faixa de preço.

Leia também:

Apresentado pela primeira vez no Salão de Genebra (Suíça), em março, o Mitsubishi Eclipse Cross terá duas motorizações. A mais básica é a 1.5 turbo de 163 cv a 3.750 rpm e 25,4 kgfm entre 1.800 e 4.500 rpm, em conjunto com câmbio CVT e tração nas quatro rodas. A outra opção é o 2.2 turbodiesel, combinado à transmissão automática de 8 marchas (dados técnicos ainda não são conhecidos)

O Eclipse em roupagem SUV virá com head-up display colorido, assistente de permanência em faixa e alerta de colisão. A central multimídia irá na contramão, utilizando um touchpad no console central, ao invés de tela sensível ao toque. Algumas versões contarão com teto solar panorâmico e bancos aquecidos (inclusive os de trás).

A dúvida é como a Mitsubishi irá posicionar o Eclipse Cross no Brasil. No exterior, ele ficará como opção entre o ASX e o Outlander, estratégia que não daria muito certo por aqui. O ASX tem preço inicial de R$ 97.990, enquanto o Outlander parte de R$ 135.990, o que deixa um espaço muito pequeno para preços. Pode ser a aposentadoria do crossover menor, deixando o Eclipse em seu lugar. A marca promete divulgar mais informações em breve.

Fotos: CARPLACE/Motor1.com

Seja parte de algo grande

Mitsubishi Eclipse Cross 2018 - Salão de Genebra