Modelo vai usar a plataforma TNGA do Prius e do C-HR

Como aconteceu nas últimas gerações, a Toyota começa os testes do próximo Corolla pela versão hatch, vendida na Europa como Auris. Ou seja, ele adianta muito do que veremos no futuro sedã.  

O protótipo flagrado parece ter os painéis de carroceria de produção, mas é difícil dizer se são os finais por conta da camuflagem. Pelas imagens, parece que há enchimentos nas camuflagens da dianteira, sobre o capô, para-choque e traseira. Ainda assim, é possível notar que o estilo ficará mais agressivo, com linhas mais fluidas e retrovisores apoiados nas portas. Ao mesmo tempo, podemos perceber que não haverá mudança radical em relação ao modelo de hoje. 

Toyota Auris Corolla Spy Shots

 

É esperado que o Corolla tenha uma dianteira mais estilosa, também. Os designers teriam apenas de enxertar um terceiro volume neste hatch para termos uma boa ideia do que esperar. Na traseira, as lanternas continuarão a ser duplas, com uma parte adentrando a tampa do porta-malas. 

Mas a maior mudança, tanto para o Auris quanto para o Corolla, será a adoção da plataforma modular da Toyota, chamada de TNGA, que já serve aos modelos Prius, C-HR e Camry. Rumores também sugerem que haverá motores desenvolvidos em parceria com a BMW, além das já esperadas versões híbridas. 

 

Toyota Auris Corolla Spy Shots

 

O novo Auris deverá ser lançado no próximo ano, mas o Corolla ainda demorará mais um pouco. Previsões dão conta de que o sedã será apresentado em 2019 como linha 2020, inclusive no Brasil. Com 50 anos completados em 2016, o Corolla já teve 11 gerações e vendeu mais de 44 milhões de unidades mundo afora. 

Fotos: Carpix

Seja parte de algo grande

Flagra - Novo Toyota Auris (Corolla hatch)