Com mecânica recalibrada, a picape está andando mais e bebendo menos

Por fora, nada identifica a linha 2018 da Fiat Toro. Afinal, a picape foi lançada no começo de 2016 e ainda tem jeito de novidade nas ruas, mesmo sendo o terceiro modelo mais vendido da marca no País. As maiores novidades ficam por conta de dois botões no painel. Eles são o símbolo dos artifícios eletrônicos que a Fiat implementou para melhorar o desempenho e o consumo do motor 1.8 da versão de entrada da Toro. 

O que é?

A Toro foi o primeiro modelo da FCA a usar o motor 1.8 E-torQ na versão EVO VIS, com adição do coletor de admissão variável (Variable Intake System) e outras tecnologias, como alternador pilotado e bomba de óleo por demanda. Este coletor possui aberturas e atuadores que dão um caminho mais longo ao ar para o motor em baixas rotações, privilegiando o torque e as respostas iniciais - deficiência sentida nos primeiros Jeep Renegade - e um mais curto para gerar potência em alta. Ok, realmente a Toro já era melhor para arrancar e andar (principalmente na cidade) que a primeira versão do Jeep, mas ainda faltava algo, principalmente quando falamos de um veículo que, na teoria, foi feito para levar carga. 

Fiat Toro Freedom 1.8 2018
Fiat Toro Freedom 1.8 2018

Os dois botões no painel são o "Sport", que muda a respostas do acelerador e do câmbio, e o start-stop, que desliga momentaneamente o motor nas paradas do trânsito. 

Como anda?

Na prática, mesmo sem o Sport acionado, a Toro 2018 parece mais bem disposta, sem a preguiça da anterior. Existia um delay na aceleração que diminuiu (bem) e deixou a picape melhor para rodar em ambiente urbano. Agora, a Toro se "arrasta" menos para sair dos semáforos e retomar velocidade. Ainda não dá para chamar de ágil, afinal, ainda são os mesmos 139 cv (a 5.750 rpm) e 19,3 kgfm de torque (a 3.750 rpm) para uma picape de 1.600 kg (mais carga e passageiros). Mas é notável a melhora no campo das sensações. 

Sozinha, essa mudança já geraria uma dose de economia de combustível, mas há também o sistema start/stop (o segundo botão do painel). Com etanol, a Toro 2018 cravou média de 6,5 km/l na cidade, o que pode parecer pouco, mas é uma evolução perto dos 5,8 km/l da anterior. Na estrada, onde o start/stop não interfere, a melhoria de consumo foi mais tímida, indo para 9,6 km/l, ante os 9,4 km/l anteriormente obtidos. 

 

Fiat Toro Freedom 1.8 2018

 

As respostas mais agradáveis foram comprovadas pelos nossos testes. Com o modo Sport acionado, foram necessários 13,9 segundos para arrancar de 0 a 100 km/h, uma melhora de 0,7 segundos (14,6 s antes). Pode parecer pouco, mas vale lembrar que as mudanças foram apenas eletrônicas. A retomada 80 a 120 km/h passou de 11,6 s para 10,5 segundos. Na "vida real", a diferença de 0,9 segundo pode significar uma ultrapassagem de sucesso ou não. 

Dinamicamente, a Toro mantém o bom conjunto. Usando a plataforma monobloco do Renegade/Compass, tem acerto um pouco mais firme que o dos Jeep, por conta da capacidade de carga. Mesmo sendo um carro com centro de gravidade alto, segura a bronca quando exigida nas curvas. Mas os controles de estabilidade e tração são, digamos, "desesperados", entrando em ação antes do necessário. Com suspensão independente na traseira com molas helicoidais (como em um carro de passeio), a Toro não pula, mesmo quando descarregada, diferentemente das médias de chassi (excluindo a Nissan Frontier e seu sistema de cinco braços). 

Quanto custa?

A Toro 1.8 segue vendida em versão única, sempre com câmbio automático de 6 marchas e tração dianteira. Chamada de Freedom, custa iniciais R$ 90.990 (começou em R$ 75 mil no lançamento, lembra?) e traz direção elétrica, ar-condicionado analógico, controles de tração e estabilidade, banco do motorista com regulagem de altura, coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, capota marítima, protetor de caçamba, computador de bordo, Isofix, assistente de partida em rampas, piloto automático, rádio com USB e Bluetooth e sensor de estacionamento traseiro. 

Com o mesmo pacote desta unidade testada por nós, (menos o teto-solar, opcional que a versão 1.8 perdeu recentemente e está disponível apenas para a versão Volcano diesel), ela chega a R$ 98.103. Adiciona os retrovisores elétricos, rodas de liga-leve de 16", faróis de neblina, ar-condicionado digital de duas zonas, sensores de chuva e luz, retrovisor fotocrômico e a central multimídia com tela de 5".

Esta multimídia parece pouca coisa para uma picape do tamanho da Toro, mas a câmera de ré, que faz parte do pacote, ajuda na hora de estacionar a picape com sua traseira alta e ângulo de esterço reduzido. Acreditem, colocar a Toro na vaga da garagem do meu prédio demorou mais do que quando estacionei a Chevrolet S10 alguns meses atrás.

Fiat Toro Freedom 1.8 2018
Fiat Toro Freedom 1.8 2018

A Toro mantém bom acabamento, dirigibilidade e facilidade de uso maior que das picapes médias. Na caçamba, leva até 650 kg ou 820 litros com a praticidade da tampa dividida em duas partes - um dos argumentos de venda mais fortes da Fiat. Com as mudanças no motor 1.8, ficou melhor de dirigir principalmente na cidade. Quer mais? Há o motor 2.4 Tigershark e as versões 2.0 turbodiesel, mas prepare o bolso: uma 2.4 com os mesmos itens do modelo avaliado sai por R$ 109.393. E a Volcano diesel 4x4 pode bater quase nos R$ 150 mil quando totalmente equipada.  

Fotos: divulgação

FICHA TÉCNICA

MOTOR dianteiro, transversal, quatro cilindros, 16 válvulas, 1.747 cm3, comando simples variável, flex
POTÊNCIA/TORQUE

135/139 cv a 5.750 rpm; Torque: 18,8/19,3 kgfm a 3.750 rpm

TRANSMISSÃO câmbio automático de 6 marchas, tração dianteira
SUSPENSÃO independente McPherson na dianteira e independente multibraços na traseira
RODAS E PNEUS alumínio aro 16" com pneus 215/65 R16
FREIOS discos sólidos na dianteira e tambores na traseira, com ABS
PESO 1.619 kg em ordem de marcha
DIMENSÕES comprimento 4.915 mm, largura 1.844 mm, altura 1.680 mm, entre-eixos 2.990 mm
CAPACIDADES tanque 60 litros, caçamba 820 litros, 650 kg
PREÇO  R$ 90.990 (R$ 98.103 como testado)

 

MEDIÇÕES MOTOR1 BR 
    Fiat Toro 1.8 Freedom
Aceleração  
  0 a 60 km/h 5,8 s
  0 a 80 km/h 9,4 s
  0 a 100 km/h 13,9 s
Retomada  
  40 a 100 km/h em D 10,7 s
  80 a 120 km/h em D 10,5 s
Frenagem  
  100 km/h a 0 39,4 m
  80 km/h a 0 25,4 m
  60 km/h a 0 15,1 m
Consumo (etanol)  
  Ciclo cidade 6,5 km/l 
  Ciclo estrada 9,6 km/l

Seja parte de algo grande

Fiat Toro Freedom 1.8 2018